• White Facebook Icon
  • White Twitter Icon
  • White Google+ Icon
  • Instagram - White Circle
  • YouTube - White Circle

Praça Prof. Santos Andrea, 15 - 3º Esq, 1500-510 Lisboa, Portugal

geral@well-senior.com | +351 215 946 518

Alojamento Local

No setor do turismo, a Well-Senior atua no mercado de alojamento local na região de Lisboa, através de compra de prédios devolutos e sua reabilitação em localizações privilegiadas.

PROJETOS EM CURSO

3 APARTAMENTOS EM REGIME DE ALOJAMENTO LOCAL

T0 | T1 | T2 (duplex)

A "Casas da Silva" - Mastros fica localizada na Rua dos Mastros, na freguesia da Misericórdia.

Clique nos links em baixo para fazer a sua reserva no Airbnb:

Piso 0 - https://www.airbnb.pt/rooms/27366210

Piso 1 - https://www.airbnb.pt/rooms/17474555

 

Piso 2 - https://www.airbnb.pt/rooms/17474310

"Casas da Silva" - Mastros

A Freguesia da Misericórdia resulta da agregação das antigas Freguesias da Encarnação, Mercês, Santa Catarina e São Paulo. A origem do nome da Freguesia deve-se à presença da sede da Santa Casa da Misericórdia na Igreja e Casa Professa de São Roque, desde 1768.

O território hoje conhecido como Misericórdia foi, ao longo dos séculos, casa de diversas instituições religiosas de apoio à infância, para cristianização de mouros e judeus e para o recolhimento de mulheres penitentes. Com a expulsão dos jesuítas, as casas da Companhia de Jesus foram doadas à Santa Casa da Misericórdia.

Igualmente ligada à produção agrícola, a Freguesia e as suas colinas abasteciam a cidade na época muçulmana, principalmente através da produção de oliveiras, frutos e cereais. Com os Descobrimentos, o bairro cresceu para Norte, adquirindo uma população mais ligada às atividades marítimas.

Séculos mais tarde, a importância estratégica e comercial desde “bairro marinheiro” tornou prioritária a sua reconstrução após o Terramoto de 1755. Apesar dos estragos, a estrutura dos arruamentos não foi alterada, nascendo então o Cais do Sodré, nome que homenageia Vicente Sodré, navegador responsável pela pelos primeiros contactos comerciais e diplomáticos com a Índia.

A presença da nobreza no território ficou igualmente marcada pela construção de inúmeros palácios, como é o caso dos Palácios Cunhal das Bolas, Alvito, Almada Carvalhais, Marquês de Ficalho, Conde de Lumiares, Marquês das Minas, Bichinho de Conta, Ludovice e Condes de Tomar, entre outros.

Local de agregação de uma classe artística foram várias as figuras da vida cultural e política que viveram no antigo e atual território da Freguesia. Podem destacar-se nomes como o de Sebastião José de Carvalho e Melo, Manuel Maria Barbosa du Bocage, Almeida Garrett, Alexandre Herculano, Camilo Castelo Branco, Ramalho Ortigão, Gonçalves Crespo, Albel Manta e António Quadros.

No séc. XIX, o território continuou a congregar artistas e intelectuais, que frequentavam os seus teatros e cafés. Também a imprensa se instalou no espaço da atual Freguesia, ocupando palácios devolutos. Jornais como o Diário de Notícias, o Revolução de Lisboa, o Mundo e o Século animaram assim a vida noturna do bairro, que se tornava cada vez mais acessível com os novos elevadores da Glória, da Bica e da Estrela.

O bairro popular das festas, arraiais e marchas convive hoje com a mais atual cultura urbana, com novos restaurantes, bares e tabernas, no Bairro Alto, junto ao rio e no Cais do Sodré.

Galeria de fotos dos apartamentos

Pontos de interesse

Painel de Azulejos Arte Nova em Quiosque de Jardim no Cais do Sodré, Azulejos da Estação de Metro do Cais do Sodré, Painéis de Azulejos da Fachada de Antiga Fábrica/Loja de Tintas e Pincéis. Clique aqui para mais informações.

Clique aqui para mais informações sobre os monumentais edifícios e palacetes da freguesia.

Jardim de São Pedro de Alcântara/Jardim António Nobre, Jardim Fialho de Almeida, Jardim Roque Gameiro, Jardim Sá da Bandeira, Jardim do Príncipe Real/Jardim França Borges e Jardim do Alto de Santa Catarina. Clique aqui para mais informações.

Ascensor da Bica, Ascensor da Glória, Bairro Alto, Bica dos Olhos, Capela do Convento dos Cardais, Chafariz da Praça das Flores ou do Monte Olivete, Chafariz da Rua de O Século, Chafariz de São Paulo, etc. Clique aqui para mais informações.

1 / 2

Please reload

Para informação sobre outros projetos de alojamento local anteriores clique aqui.

mercado potencial

O turismo tem evidenciado um crescimento muito significativo, sobretudo na região de Lisboa, desde 2009 (6% ao ano)

Os mercados europeus continuam a predominar como mercados emissores de turismo, com 55% do total de visitantes

O segmento chave são casais entre os 35 e os 54 anos, em city/short break onde 55% são “first-comers” (que dão preferência ao alojamento local)