9 dicas para os idosos passarem um verão mais seguro

O verão é a época para divertimento no exterior, passeios, churrascos e visitas à praia. Mas as altas temperaturas e o sol forte podem ser um risco sério para a saúde se não tomarmos as devidas precauções. E ainda mais importante para a população idosa. Se você é uma pessoas idosa ou se tem ao seu cuidado uma pessoa idosa ou familiar, certifique-se que você e os seus se divirtam este verão de uma forma segura seguindo estes concelhos para os idosos passarem um verão mais seguro.

Contacte o seu Médico

Verifique com o seu médico de família ou farmácia local se alguma da medicação que toma não possa ser afetada com as altas temperaturas – especialmente se não tiver ar condicionado em casa. Alguns medicamentos são menos efetivos se guardados a temperaturas mais altas do que a temperatura ambiente (aproximadamente 25° C), e a última coisa que queremos é que um medicamento que seja usado para prevenção, agrave uma condição médica devido às temperaturas elevadas.

Beba Água

À medida que vamos envelhecendo ficamos mais suscetíveis à desidratação porque vamos perdendo a nossa habilidade de conservar água. Além disso, as pessoas mais idosas perdem, gradualmente, a perceção de que têm sede e têm dificuldade em adaptar-se às diferenças de temperatura. Lembre-se de beber água frequentemente, e não se esqueça de se abastecer de água para essas viagens e passeios de verão.

Profissionais de tenham idosos ao seu cuidado, devem certificar-se que os idosos bebem bebidas que contenham sal e potássio (água de coco é um excelente exemplo) para compensar a perca de água durante o verão.

Roupa Adequada

Todos nós, incluindo os mais velhos, devemos vestir de acordo com o clima. Quando está calor, algumas pessoas acham que roupas fabricadas em fibra natural (como o algodão) são mais frescas do que fibras sintéticas. Encha o seu guarda roupa de verão com roupa clara e larga que ajude a sentir mais fresca e confortável.

Protetor Solar e Chapéus

Todos, novos e idosos, devem colocar protetor solar em atividades ao ar livre. As pessoas mais idosas necessitam de proteção extra para as manter saudáveis. Profissionais, família e amigos podem ajudar a lembrar a colocação do protetor solar e em alguns casos em aplicar. Chapéus também são uma boa ideia, especialmente para aqueles que têm o cabelo claro e que a memória de uma cabeça cheia de cabelo já vai longínqua.

Óculos de Sol

A perca de visão é muito comum nos idosos, e muita exposição solar pode irritar os olhos e piorar condições que possam existir. O uso de óculos de sol pode proteger os seus olhos dos nocivos raios UV e preservar a sua visão.

Mantenha-se Fresco

Até pequenos aumentos de temperatura podem diminuir o tempo de vida de seniores que estejam a lidar com condições médicas crónicas. Centros comerciais, cinemas e bibliotecas são espaços acolhedores e frescos para um idoso visitar, especialmente se a sua casa não tiver ar condicionado. Para além disso, estes espaços são uma boa oportunidade para sair de casa e fazer algum exercício físico, sem a exaustão do calor. As pessoas mais idosas são muito vulneráveis aos efeitos nocivos do calor, devido ao fato de o corpo não se adaptar tão facilmente às rápidas mudanças de temperatura. Algumas doenças crónicas e medicação pode inibir a habilidade do corpo em reagir eficientemente a temperaturas elevadas.

Preste Atenção à Hipertermia

Durante o verão, preste atenção a anormais situações de temperaturas corporais elevadas – uma condição chamada hipertermia. Insolação é uma forma avançada de hipertermia que pode ser fatal. Certifique-se que conhece os sinais de alerta e consulte o médico imediatamente se você ou se alguém estiver com os seguintes sintomas:

  • Temperatura corporal maior que 40° C

  • Mudanças de comportamento (confuso e agitado)

  • Pele corada e seca

  • Enjoos e vómitos

  • Dor de cabeça

  • Respiração intensa e pulso rápido

  • Não transpirar, mesmo que esteja quente

Indivíduos mais idosos têm menor capacidade de saber que estão desidratados e os seus corpos têm maior dificuldade em regular a temperatura corporal. Por isso, têm maior tendência a insolações.

Se você (ou algum idoso) comece a sentir alguns destes sintomas, peça ajuda médica e saia do calor, deite-se e coloque gelo no seu corpo.

Exercício Físico

Se gosta de atividades ao ar livre, como andar ou jardinagem, não se esqueça de usar roupa apropriada e equipamento de proteção. É importante prestar atenção à duração da atividade física. Não faça essa atividade durante longos períodos de tempo e beba mais água do que o normal. Considere fazer atividades ao ar livre durante a manhã ou ao fim da tarde e evite o pico solar.

Mantenha-se em contacto

Temperaturas elevadas podem ser fatais, por isso comunicação é um fator importante para a segurança de um idoso. Para os idosos: devem informar familiares e vizinhos que vocês estão ou vão fazer atividades físicas no exterior, mesmo que esteja só a tratar do jardim. As pessoas que têm idosos ao seu cuidado, devem verificar a saúde e o bem-estar dos seus entes queridos pelo menos duas vezes por dia.

Conheça bem os seus vizinhos e as suas rotinas diárias. Se você é idoso, veja se um vizinho mais novo, ou um dos seus filhos, pode verificar que está tudo bem consigo. A companhia extra que pode resultar desta experiência é um bónus!

Prepare uma lista com os contactos de emergência e coloque-os num local de acesso fácil. Assim, pode contactar as pessoas certas imediatamente e prevenir que alguma situação médica piore.

Se seguir estas dicas, não há razão nenhuma para não gozar do verão independentemente da sua idade.

Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square

Praça Prof. Santos Andrea, 15 - 3º Esq, 1500-510 Lisboa, Portugal

geral@well-senior.com | +351 215 946 518

  • White Facebook Icon
  • White Twitter Icon
  • White Google+ Icon
  • Instagram - White Circle
  • YouTube - White Circle